F O Baú Errante: Carta aos amados

Páginas

sábado, 9 de julho de 2016

Carta aos amados


Jan/Fev 2016 Olá pessoa que amo,
Queria conversar com você.
Queria que você soubesse que é especial pra mim e te amo. E que você é uma dentre todas as pessoas importantes que amo. E que amar tantas pessoas não me faz te amar menos.
Pessoa que amo, queria te pedir desculpas. Desculpa se não te dei muita atenção nos últimos tempos. Se falhei no carinho e na demonstração de amor. Esses tempos precisei me amar muito e cuidar de mim, pois eu estava fazendo demais por amar a humanidade e querer que todos sejam livres. Mas saiba que com certeza lembrei de você e pensei em você em meio às correrias. E pensei: nossa, faz tanto tempo que não dou amor praquela pessoa que amo, sinto a falta dela, queria vê-la, queria conversar, mas a vida não tá me permitindo. Aposto que algumas vezes fui conversar com você. Outras fui conversar com outras que amava. Às vezes, não consegui te ajudar, por precisar de outra que me desse forças.
Pessoa que amo, não hesite em vir falar comigo. Não pense que minha ausência quer dizer que não me importo. Saiba que ficarei feliz toda vez que contatar-me, e agradecerei por você tê-lo feito quando eu não consegui.
Pessoas que amo, continuem me amando, mesmo quando falho com vocês. Mesmo quando não consigo distribuir minha atenção tão bem, porque vocês são muitos, e não há tempo no mundo que seja suficiente pro tanto que gostaria de estar com cada um de vocês.

Nenhum comentário:

Postar um comentário